Empório Sem Álcool: A Maior Variedade de Bebidas Sem Álcool

Blog


  • Vinhos para inverno: Saiba como combinar com os pratos da estação

    Tags: vinho inverno
  • 4.07.2019

O inverno é uma das ocasiões no ano que mais combina com vinhos, você concorda?

Harmonizar pratos e vinhos no inverno é algo que pode proporcionar ótimas experiências gastronômicas, principalmente pelo fato de podermos aliar excelentes receitas às bebidas que combinam e complementam as sensações que a comida proporciona.

Quer aprender um pouco mais sobre o assunto para não errar ao elaborar suas refeições?

Você não precisa ser um grande especialista. Basta seguir algumas regrinhas que trazemos nesse post. Continue a leitura e confira!

Vinhos para tomar no inverno

De maneira resumida, podemos dizer que as harmonizações são feitas de duas formas: por contraste ou semelhança.

No contraste, a ideia é fazer com que a sensação do vinho ajude a equilibrar o paladar da comida, sempre se contrapondo.  Assim, consegue-se equilibrar gordura com frescor, amargor e doçura, e assim por diante.

Já a harmonização de vinhos por semelhança é feita combinando as sensações da bebida com a comida. Ou seja:

  • vinho aromático vai bem com comida aromática;
  • vinhos doces para comidas doces;
  • vinhos estruturados para sabores mais complexos.

Nos tópicos a seguir, vamos mostrar alguns pratos típicos do inverno e quais opções de vinho combinam com eles.

Massas com molhos

A combinação depende bastante do tipo de molho que será usado. Assim, o vinho tinto é indicado para formar uma combinação que seja mais forte. Seguindo essa lógica, temos:

  • molho de tomate: vinhos mais leves e com uma acidez mais pronunciada;
  • molho com alguma carne: na maioria dos casos, eles vão bem com um tinto encorpado;
  • molho branco ou com queijo: aqui, as melhores opções são o vinho branco e o rosé.

Confira algumas dicas de vinhos para seu inverno:

Caldos e sopas

Caldos e sopas são uma ótima pedida para o clima mais frio. Aqui, vale colocar o mesmo raciocínio em prática para saber qual é o vinho de inverno mais adequado para cada tipo de receita.

Os caldos de mandioca levam bacon e carne e, portanto, devem ser combinados com bebidas mais fortes e marcantes. Caldos de feijão e abóbora também ficam bem harmonizado com esses vinhos. Caldos de frango e frutos do mar, por serem mais suaves, demandam um vinho mais leve.

Dicas de vinhos:

Sobremesas

Depois de uma refeição saborosa, nada melhor do que uma sobremesa para fechar com chave de ouro. E quem disse que não é possível combinar esse tipo de prato com um bom vinho? Nesse caso, basta harmonizar seguindo a lógica da semelhança. Ou seja, receita doce com um vinho mais doce.

Dica de vinho:

Por que os tintos são tão queridinhos no inverno

Da mesma forma como muita gente aprecia uma cerveja bem gelada no verão, o vinho é a referência do inverno quando se trata de bebidas para a estação do ano. Parte disso se dá pela sensação de aconchego e também pelo romantismo — de poder curtir as noites em uma bela companhia, com uma refeição à altura.

Por falar nisso, os tintos são os mais queridos justamente pela culinária específica dessa época do ano, em que os pratos costumam ser mais encorpados. A resposta para isso está justamente na harmonização e nas combinações que podem ser feitas (que dão muito certo, por sinal).

Vinhos brancos também servem para o inverno?

Apesar de os vinhos brancos serem vistos com pouca estrutura e serem considerados mais leves, eles também podem usados para criar combinações no inverno. Para isso, só é preciso tomar o cuidado de harmonizá-los com pratos mais suaves e leves.

Isso quer dizer que eles vão bem com menus que contenham:

  • saladas;
  • sushis;
  • legumes;
  • peixes;
  • frutos do mar;
  • pratos à base de queijo;
  • cortes suínos mais magros (quando a bebida for mais estruturada).

Portanto, se você pretende preparar um almoço especial à base das opções acima, já sabe que o vinho branco é uma opção muito acertada para acompanhamento.

Tipos de queijos que casam com vinhos

Provavelmente você já conhece a boa fama da harmonização de queijos e vinhos. Porém, para que essa combinação dê certo, também precisa seguir as regras básicas. Quer fazer um foundue ou uma tábua de frios sem errar na bebida que vai acompanhar?

A seguir, mostramos algumas opções que podem ser sucesso.

Brancos e tintos mais leves

Para esse tipo de bebida, pode-se apostar no casamento com os queijos Gouda, Brie ou Camembert. O Gouda se faz muito presente em tábuas de frios e aperitivos. Ele tem um gosto suave e levemente adocicado.

Já o Brie é cremoso e apresenta um sabor de nozes bem leve. O Camembert tem um gosto um pouco mais forte, é macio e pode conter alguns bolores (mais suaves que o do Gorgonzola).

Espumantes

Uma ótima opção para se comer acompanhada de um espumante é o queijo Roquefort. Ele tem sabor e aromas bem marcantes — característica presente devido à sua origem no leite de ovelha.

Tinto seco

Seguindo a regra da harmonização por semelhança, o vinho tinto encorpado forma uma ótima combinação com o queijo Gorgonzola, igualmente forte e marcante. Os queijos Gruyère e o Pecorino também são combinações que podem dar certo com essas bebidas mais estruturadas.

Vinhos brancos leves e espumantes

Essas bebidas, por serem mais refrescantes e frutadas combinam bem com queijos mais delicados e frescos, como o cottage, a ricota e o de cabra. Assim, é possível fazer uma harmonização agradável, sem que a bebida tire o brilho dos petiscos.

A degustação de vinhos no inverno é uma prática agradável e adotada por muitos apreciadores — apesar do fato de que não é necessário um bom motivo para aproveitar a oportunidade de combinar boas bebidas e comidas.

Agora que você já conhece as regrinhas básicas da harmonização, fica muito mais fácil elaborar refeições acompanhadas de um vinho, não é mesmo?

E aí, qual é a sua combinação preferida?

Aproveite para compartilhar este artigo em suas redes sociais e comentar com seus amigos e, quem sabe, já combinar a próxima degustação!

 

...

RECEBA OFERTAS

Fale Conosco pelo WhatsApp
Visual e-commerce